Portos e Terminais

Movimentação de contêineres no Porto de Itajaí cresce 22% no primeiro trimestre de 2020

abr, 15, 2020 Postado porSylvia Schandert

Semana202017

Em março de 2020 o Porto de Itajaí (cais público e APM Terminals) registrou crescimento em seus principais indicadores de movimentação: tonelagem, número de atracações e TEUs  Os índices foram apresentados no relatório estatístico da Superintendência do Porto de Itajaí. 

Os berços públicos (3 e 4) e da APM Terminals (1 e 2) movimentaram 46.552 TEUs – destacando um crescimento de 21% no comparativo a março de 2019, em que foi registrada a movimentação de 38.582 TEUs. 

Atracaram nos berços públicos 44 navios, 19% a mais que no mesmo período de 2019, que registrou 37 embarcações. No indicativo de tonelagem, o crescimento foi de 17%. Foram movimentadas 524.960 toneladas contra 449.345 toneladas no mesmo período de 2019. 

Com os números apresentados em março, o primeiro trimestre de 2020 encerra com crescimento de 19% na tonelagem e 22% na movimentação de TEUs. Foram movimentados 1.451.186 toneladas e 130.042 TEUs, contra 1.220.314 toneladas e 106.688 TEUs no primeiro trimestre 2019. Em relação as embarcações, foram 129 atracações contra 111 no mesmo período do ano passado, com crescimento de 16%. 

O relatório aponta ainda movimentação positiva em relação ao Complexo Portuário de Itajaí. 

Em março de 2020 foram movimentados no complexo 1.230.718 toneladas, 104.869 TEUs, com registro de 88 escalas. No mesmo mês de 2019, a movimentação registrada foi de 1.045.198 toneladas, 94.564 TEUs e 79 atracações, crescimento de 18% na tonelagem, 11% na movimentação de TEUs e 11% no número de atracações. 

O Terminal de Uso Privado (TUP) PORTONAVE registrou 685.871 toneladas, 40 escalas e 58.317 TEUs. A movimentação eleva o acumulado do ano para 2.020.967 toneladas, 126 escalas e 181.183 TEUs. No comparativo ao primeiro trimestre do ano anterior, o terminal registra crescimento de 5% em relação aos TEUs5% em relação as escalas e 9% em relação a tonelagem. 

O TUP TEPORTI registrou duas escalas com movimentação 12.887 toneladas. O TUP Poly Terminais movimentou 7.000 toneladas com duas atracações. Os demais terminais não registraram movimentação em março. 

Em março a exportação foi correspondente a 59% do sentido das cargas em tonelagem e a importação a 41%. Os principais produtos exportados foram frango, carnes e madeiras e derivados e os importados foram mecânicos e eletrônicos, produtos químicos e têxteis diversos. 

Itajaí tem participação de 3,6% na corrente de comércio brasileira e 57,4% na corrente de comércio catarinense. Em razão dos ventos fora dos limites operacionais, o mês de março registrou 6:30h de impraticabilidade da barra e cancelamento de quatro escalas, por conveniência do armador. 

Sharing is caring!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *