Carnes

Indústria brasileira de aves rebate crítica de ministro francês

set, 13, 2021 Postado porSylvia Schandert

Semana202136

Uma declaração do ministro da Agricultura da França gerou críticas da indústriabrasileira de carnes. O titular francês Julien Denormandie disse, no último dia 11, que um peito de frango do Brasil não teria “o mesmo impacto sobre a saúde das crianças” que a carne produzida no país europeu. A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) divulgou nota neste domingo, 12, lamentando a declaração, que considerou como “infeliz” e de “cunho protecionista”.

A associação disse que a declaração “desrespeita” tanto o trabalho da avicultura brasileira como dos próprios órgãos sanitários europeus, que inspecionam se os produtos importados seguem os padrões sanitários europeus. A ABPA ainda lembrou que o Brasil é livre de influenza aviária.
A ABPA disse que deseja “contar com mais respeito e seriedade nas declarações dosenhor Denormandie, em acordo com a posição de um ministro que trata de questões alimentares”.

Confira abaixo os principais destinos do frango brasileiro por continente no primeiro semestre de 2021. Os dados são do DataLiner:

Destinos das Exportações Brasileiras de Frango (HS 0207) por Continente | Jan a Jul 2021

Declarações
A declaração do ministro francês foi feita durante uma feira agrícola da França. Naocasião, ele disse que o frango brasileiro e ucraniano não têm “o mesmo impacto sobre a saúda das crianças”, repetindo o que já havia dito em maio. Ele ainda disseque o governo implementará a partir do ano que vem uma regulação para obrigar cantinas públicas e privadas a indicar a origem da carne servida, de acordo cominformações da agência
EFE.

Fonte: Valor Econômico

Para ler a matéria original completa acesse o link:

https://valor.globo.com/agronegocios/noticia/2021/09/12/industria-brasileira-de-aves-rebate-critica-de-ministro-frances.ghtml

Sharing is caring!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *